26 de jun de 2012

4º HÁ QUEM DIGA... QUE O AMOR É UM RIACHO...

Precisamente, qual é o convite que esses veículos nos fazem? Ao sexo ou ao amor?
Respostas prontas não vão adiantar, você terá que descobri-Ias pessoalmente.
E sua resposta será tanto mais certa quanto mais você souber que nem tudo o que chamam de amor é amor.
Nem tudo o que chamam de errado é errado, nem tudo o que chamam de válido é válido.
Em termos de amor e sexo, há o permitido e há o proibido.

Por exemplo:
Seus pais têm o direito de proibir e de permitir. Sabem um pouco mais do que você.
E você também precisa aprender a canalizar.
O que significa: permitir-se e proibir-se Senão nunca saberá o que é viver.
Nem tudo o que é permitido lhe convém, e nem tudo o que você acha que lhe convém é bom para a sua juventude.
Então, amar é o quê? É SIM ou é NÃO?
E onde entra essa história de sexo com ou sem amor, e de amor com ou sem sexo?
É possível definir essas coisas?