15 de jun de 2011

JESUS ME DESAFIA

Jesus não disse que era uma das verdades. Disse que era “a verdade”.
Não disse que era um dos caminhos. Disse que era “o caminho”
Não disse que era uma vida. Disse que era “a vida”

Esses dias um irmão, que se afirma estudioso da história, de lingüística, de Exegese Bíblica lembrou-me que Jesus pode não ter dito isso dessa forma. Seria um ajuste posterior feito por uma comunidade segura da sua fé.
Perguntei-lhe, então, o que ele acha que Jesus teria dito. Disse que não sabia. Retruquei.
- Você fala com certeza que Jesus não disse isto dessa forma, mas na hora de dizer o que ele talvez tenha dito e você diz que não sabe? Sabe de uma coisa? Você me lembra o sujeito que diz que o projeto original de um prédio não era este que agora se vê, mas não sabe dizer qual era. Como o prédio está ai, eu falo do prédio que vejo e não do que não era para ser nem do que poderia ter sido. Para mim Jesus é “o caminho, “a verdade” e “a vida”!
- Opinião sua, disse ele!
- Isso, retruquei! Você continua dizendo que talvez Jesus não tenha dito isto dessa forma e eu continuarei pregando que Ele é tudo isso! Ai você me arranja um adjetivo depreciativo e eu lhe arranjo outro.
- Jesus vai continuar a ser quem foi. Só Ele sabe o que realmente disse e quis dizer.
Ele deu um sorriso complacente. Eu também!
Ultimamente, nós cristãos andamos muito complacentes. Um achando que o outro ou não sabe ou não entende! A maioria achando que sabe! É pois é...
Pe Zezinho scj